Operações imobiliárias aquecem o setor e estimulam o crescimento

Operações imobiliárias aquecem o setor e estimulam o crescimento

Apesar de a economia brasileira apresentar sinais lentos de recuperação, a perspectiva para o segundo semestre no mercado mobiliário em 2019 se mantém em crescimento, fazendo do presente momento um ótimo período para investir em imóveis.

Em ocasiões perceptíveis de crise econômica, fazer grandes investimentos – tais como em imóveis de alto padrão – pode parecer arriscado. Entretanto, essa hesitação é amenizada através dos números mensurados ao longo dos 3 últimos anos, onde avaliamos o comportamento do setor e suas perspectivas, que apresentam sua ótica otimista para o fim desse ano.

Desde o ano passado, o mercado imobiliário tem apresentado sintomas de melhora. De acordo com a Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança, houve um aumento de 30% na compra e na construção de imóveis em comparação os anos de 2018 e 2017 – que notamos um aumento de 32,9% ao compararmos o primeiro semestre de 2018 com 2019 (saiba mais aqui ).

A perspectiva da Câmera Brasileira da Indústria da Construção para 2019 é que o mercado imobiliário mantenha o ritmo, revelando um desenvolvimento estável e contínuo. Segundo a entidade, o setor deve crescer de 10% a 15% até o final do ano. O primeiro semestre já trouxe indícios: a compra de imóveis residenciais aumentou quase 10% nos primeiros meses do ano. Além disso, só em São Paulo o número de lançamentos dobrou em relação ao ano passado.

A estimativa de retorno médio em rentabilidade de aluguel comercial foi de cerca de 5,31% em julho deste ano, segundo o indicador FipeZap de Preços de Imóveis Anunciados, índice que acompanha os preços de venda e locação de imóveis no Brasil. A partir desse cenário, alternativas de lucratividade são cada vez mais presentes no mercado de imóveis, buscando garantir a melhor destinação do imóvel ao uso fim pela empresa, e preservar os recursos do locatário.

Apesar do crescimento prolongado, a rentabilidade de venda comercial se mostra vantajosa para investimentos no setor corporativo. Tal rentabilidade, como indica o FipeZap, é calculada pela razão entre preço médio de locação e o preço médio de venda de imóveis comerciais. Por isso, aproveite para explorar e entender suas oportunidades no setor imobiliário com nossos consultores MBRAS e entre em contato para conferir os imóveis comerciais e residenciais disponíveis nas melhores regiões da capital de São Paulo.

Garanta hoje mesmo a sua oportunidade de investir melhor no setor em 2019!